Darwin e a evolução, do Paul Strathern

Darwin e a Evolução (em 90 minutos)

Darwin e a Evolução, do Paul Strathern (Jorge Zahar Editor 2001)

Encanta-me a curiosidade científica. Encantam-me os caminhos que seguem alguns cientistas para chegarem ao ponto que conhecemos de alguma teoria, muito bem fundamentada e consolidada pelo tempo. Charles Darwin é um desses.

Para chegar ao que ele apresentou ao público, Darwin trilhou diversos caminhos. Alguns bem aceitos pela família, outros nem tantos…

Estudou o que havia disponível sobre ciências que aparentemente não teriam nada a contribuir para o que pretendia ver, registrar em sua viagem, mas que tornou-se fundamental para o que ele deveria apresentar a humanidade.

Tentando aprender algo, fundamentou outro. Descobriu a ponta de um universo inteiro que só cresce à medida que novas descobertas possibilitam o aprofundamento em subtemas do tema maior – Evolução.

Importa que ele trouxe a sua grande contribuição para a humanidade e espero que tenhamos todos condições de compreendê-lo e também à sua teoria.

6 ideias sobre “Darwin e a evolução, do Paul Strathern

  1. Oi, Gil! Obrigada pelas visitas lá no blog! 🙂

    Conheço o Strathern da série de livros “… em 90 minutos”. Eu lembro do “García Márquez em 90 minutos”, achei um pecado! Fiquei de birra com esse autor desde então.
    Agora Darwin é O cara, haha. Lembro até hoje das aulas de ciências do ensino fundamental, meu professor explicando e interpretando teatralmente como Darwin. E o assunto evolução por si só já é um campo vastíssimo para ser explorado e discutido…
    Já viu o filme lançado recentemente sobre Darwin, “A Criação”? Não sei se já estreou, mas o trailer me interessou bastante, porque mostra o cotidiano dele, os conflitos, as buscas… ou seja, o que não encontramos nos livros de ciências, rs.
    Beijo! Aproveite o feriado! 😉

    • rsrs…considero também que o Darwin seja “O Cara”. Mas ainda não vi o filme. Leituras a respeito sempre serão insuficientes, talvez ninguém conseguirá nos passar a real dimensão desse ser humano inquieto, não é?

      Ótimo feriado pra vc também, grande abraço.

  2. Fiquei curiosa pra ler agora!!! Darwin é O CARA mesmo! Lindoooooooo e ousado em perturbar a ordem das coisas sem as evidências científicas que a gente tem hoje!

    p.s.: Você deveria investir em “blogar” resenhas/comentários sobre livros! 😉

    • Estou fazendo esforço enorme para continuar. Este blog funcionava em outro endereço e com outro nome. Transferi para este e com esse nome, ampliando as possibilidades, para que houvesse uma motivação para continuar a escrever e atualizá-lo. Tenho uma lista grande de novos títulos para escrever…rs. Entre eles, mais do Orwell, Don Tapscott, André Comte-Sponville, Ilya Prigogine, Pierre Lèvy, Yves de La Taille, …, “Cordei, cadê tempo?”…Estou assim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *